Açoriano Oriental
PCP pede apoios aos agricultores para garantir soberania alimentar

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, defendeu hoje a necessidade de apoiar os agricultores nacionais para fazer face ao aumento brutal dos custos de produção para o país garantir a soberania alimentar.

PCP pede apoios aos agricultores para garantir soberania alimentar

Autor: Lusa /AO Online

“Estamos a falar de um setor importantíssimo para Portugal e, com estas inquietações em relação aos custos de produção, tem de ser dar confiança de que vale a pena apostar na produção nacional”, afirmou Jerónimo de Sousa, durante uma visita a uma exploração agrícola na Lourinhã, no distrito de Lisboa.

O secretário-geral do PCP alertou que os agricultores registam “aumentos de mais de 200%” nos custos dos fatores de produção, nomeadamente com a eletricidade, combustíveis e produtos fitofarmacêuticos, que “conduzem a uma situação insustentável” para os agricultores com maiores dificuldades.

Para o comunista, estes aumentos podem levar os agricultores a parar a produção e a abandonar a atividade, se não tiverem capacidade de resposta, pondo em causa a soberania alimentar do país.

“Uma subida incontrolável dos preços dos fatores de produção pode levar a uma situação de ruína, de incapacidade de resposta”, destacou.

Segundo Jerónimo de Sousa, faltam apoios à produção e medidas de regulação dos preços nos circuitos da comercialização.

Neste sentido, defendeu, “o Governo deve garantir a este setor tão importante incentivos ou aceita as regras cegas do mercado, o que pode conduzir ao abandono de milhares de produtores”.

Para o líder comunista, apoiar a agricultura “é um imperativo nacional”.


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados