Açoriano Oriental
Opinião
Paulo Simões

As duas regiões autónomas de Portugal incomodam muita gente lá para as bandas da antiga capital do Império. Um Império que sempre foi centralista e centralizador. Um império que desde cedo gastou mais do que recolhia nos seus cofres; um Império endividado  ao ponto das naus...

Conteúdo de acesso exclusivo a assinantes (saber mais)
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados