Grande Prémio dos Açores

Rui Gonçalves confirma favoritismo

Rui Gonçalves confirma favoritismo

 

Susete Rodrigues   Motores   25 de Out de 2009, 19:15

No seu regresso aos Açores, após oito anos, Rui Gonçalves, em KTM 250F, confirmou o favoritismo no Grande Prémio dos Açores, que decorreu este domingo na pista Soluções M

Perante um bom número de público, o vice-campeão do Mundo em MX2 venceu a prova que contou para o Nacional da categoria, mas também teve alguma luta, nomeadamente, por parte de Luís Correia, em Yamaha 205 F, segundo da geral, Hugo Basaúla (Suzuki 250 Z) e Ivo Fernandes (KTM 250 F), que se classificaram nas posições seguintes.
Num piso com alguma lama, mas numa tarde em que o sol até espreitou um pouco, as duas mangas da classe MX2, foram disputadas até à última volta, com uma ou outra queda pelo meio, mas sem grandes problemas maiores.
Na primeira manga, Rui Gonçalves cedo tomou conta das operações, mas, apesar de se ter  mantido sempre na frente, a concorrência foi forte.
Luís Correia e, com alguma surpresa, Ivo Fernandes, rodaram a um nível excelente, e terminaram a manga em segundo e terceiro lugares, respectivamente.
Hugo Basáula, que partiu para esta prova na liderança do campeonato, foi quatro classificado, seguindo-se Henrique Venda, em Kawasaki 250 F, e Nuno Gonçalves, em Suzuki 250 Z, a fechar os seis primeiros da manga inaugural.
Entre os açorianos, Marco Garcia, em KTM 250 F impôs um ritmo, terminando em 10º lugar na primeira manga. Nélson Ventura (Suzuki 250 Z) foi 20º da geral e Bruno Serra (Yamaha 125), foi 21º, pese embora este último não ter pontuado. Quem também não pontuou nesta manga foi Bruno Azevedo e Mário Sousa (que não cortou a meta).
Para a segunda manga e já com um tempo mais escuro, ameaçando chuva, Rui Gonçalves viria a dominar as operações, mas, desta vez, a luta mais intensa veio de Henrique Basaúla, que conseguiu terminar em segundo.
Já o piloto da Yamaha, não conseguiu impor o ritmo da primeira manga e cai para terceiro na segunda manga.
Entre os açorianos, Marco Garcia viria a desistir da prova, mas tendo em conta o 10ª lugar da primeira manga, é o melhor piloto açoriano em prova.
Nélson Ventura ficou em 14º lugar nesta segunda manga, enquanto Mário Sousa e Bruno Serra terminaram em 17º e 18º, respectivamente.

Abel Carreiro vencedor da prova

A prova  também contou para o Campeonato dos Açores de Motocross na classe de Infantis B.
As duas mangas da prova foram dominadas pelo jovem Abel Carreiro, em KTM, tendo conseguido a vitória nesta prova e aumentado a sua vantagem no campeonato.
Em segundo da geral ficou Beatriz Silva , em KTM, que em ambas as mangas fez um terceiro lugar.
Em terceiro da geral, classificou-se Tiago Gonzaga, Kawasaki, tendo ficado em quarto na primeira manga e segundo na última manga.
A quarta posição coube a Filipe Moniz, KTM, que fez um segundo lugar na primeira manga e quinto na segunda.
A fechar esta classe ficou Sara Silva, KTM, que em ambas fez o quarto lugar.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.