Açoriano Oriental
Homem executado por vontade própria no Alabama
Um homem de 39 anos foi executado "voluntariamente" na quinta-feira no Alabama, no sul dos Estados Unidos, pela morte do filho de seis meses, informaram as autoridades penitenciárias daquele estado.

Autor: Lusa/AO Online

Julgado em 2006, Christopher Johnson abdicou de advogado de defesa durante o julgamento e pediu ao tribunal que lhe fosse aplicada a pena capital.

No seu testemunho, Johnson disse que espancou e sufocou o filho de seis meses até à morte porque odiava a mulher e não queria estar perto da mãe da criança.

O homem foi declarado morto às 18:25 (00:25 em Lisboa) depois de ter recebido a injeção letal.

Esta foi a sexta execução este ano no Alabama e a 38ª nos Estados Unidos.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.