Asssalto

Trabalhadores chineses alvo de "gangues armados" em Angola


 

Lusa / AO online   Internacional   16 de Nov de 2009, 11:47

Trabalhadores chineses em Angola estão a ser frequentemente assaltados por “gangues” armados, disse esta segunda-feira um jornal oficial chinês, citando empresários estabelecidos naquele país africano.
“Ao longo dos últimos três meses, todos os dias recebi informações sobre assaltos, violações e agressões a cidadãos chineses”, afirmou Xu Ning, director da Câmara de Comércio Chinesa em Luanda, ao jornal Global Times.

Segundo o mesmo empresário, um camião de marca japonesa que ele acabara de comprar foi roubado sábado “perto de uma esquadra da polícia”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.