PJ detém mulher suspeita de ter matado a filha


 

Lusa/AO online   Nacional   27 de Set de 2013, 14:59

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta sexta-feira a detenção, no concelho de Alcobaça, de uma mulher suspeita de ter matado a filha.

 

A mulher, de 30 anos, encontra-se em prisão preventiva por decisão do Tribunal de Alcobaça, uma medida de coação que foi decretada após o primeiro interrogatório judicial.

Os factos ocorreram no mês de dezembro, na localidade de Pisões [concelho de Alcobaça], e a mulher, desempregada, é suspeita da autoria de homicídio qualificado, pode ler-se num comunicado hoje divulgado pela PJ.

A detenção foi efetuada pelo Departamento de Investigação Criminal de Leiria.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.