Ministra da Cultura realça crescimento de 9,2 por cento


 

Lusa / AO Online   Nacional   13 de Nov de 2007, 16:01

O Ministério da Cultura (MC) é um dos quatro departamentos do Governo cujo orçamento aumenta em 2008, representando um crescimento de 9,2 por cento, anunciou a ministra da Cultura, Isabel Pires de Lima.
Dirigindo-se aos deputados da comissão parlamentar de Orçamento e Finanças, a ministra afirmou que o MC ainda está “longe da meta traçada para a legislatura de atingir um por cento do orçamento de Estado para a cultura", mas sublinhou "a elevada execução orçamental" da pasta que dirige.
Neste sentido, a ministra afirmou: "Estamos a trabalhar no caminho certo".
Em termos de execução orçamental, "os anos de 2005 e 2006 correspondem às maiores execuções desde 2000", referiu.
Isabel Pires de Lima salientou ainda a importância das parcerias público-privadas, tendo a captação de mecenato pelo MC permitido mais verbas para os seus projectos.
Nesse sentido, o apoio mecenático tem vindo a crescer, afirmou a ministra, "atingindo este ano, até ao momento, uma verba que ronda os 7,2 milhões de euros".
Segundo a ministra, no que respeita ao investimento público na área da Cultura, haverá um crescimento de 1,8 por cento face ao corrente ano, devendo-se atingir os 54,5 milhões de euros.
Também da União Europeia virá mais dinheiro em termos percentuais, isto é, um aumento de 41,4 por cento.
No topo das prioridades de Isabel Pires de Lima estará a salvaguarda e valorização do património, área para a qual o Governo prevê uma despesa de 106,8 milhões de euros, seguindo-se o apoio à criação artística e difusão cultural, com uma dotação de 107 milhões de euros.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.