Furacão Lorenzo

Autoridade marítima recomenda planeamento e medidas de precaução


 

Lusa/AO Online   Regional   30 de Set de 2019, 11:21

A autoridade marítima alertou esta segunda-feira para a passagem do furacão “Lorenzo”, que deverá atingir o arquipélago dos Açores na quarta-feira, recomendando à comunidade marítima "o planeamento e tomada de medidas de precaução atempadas".

Num comunicado enviado às redações, a Capitania do Porto de Santa Cruz das Flores e a do Porto da Horta recomendam à comunidade marítima "a verificação e reforço de amarrações, pela colocação das embarcações a seco em lugar seguro, afastado até das próprias rampas de varagem e, no caso de embarcações de maior porte, a sua eventual deslocação para portos de abrigo afastados do possível trajeto da tempestade".

"A Capitania do Porto de Santa Cruz das Flores e a Capitania do Porto da Horta aconselham a comunidade marítima ao acompanhamento dos próximos boletins informativos e comunicados, os quais deverão dar nota da evolução e previsão do tempo e do mar", é explicado.

O comunicado assinado pelo capitão do Porto da Horta e de Santa Cruz das Flores, Paulo Rafael da Silva, refere que "são esperados estados de tempo e de mar muito gravosos, prevendo-se que a agitação marítima tenha valores de altura significativa superiores a 10 metros, sendo que, nas ilhas do Triângulo (Pico, Faial e São Jorge), a altura máxima poderá ser de 20 metros".

"Chama-se particular atenção para a subida do nível do mar, relacionado com a abrupta descida da pressão atmosférica aquando da passagem da tempestade, e ao efeito da maré", sublinha ainda o capitão.

A autoridade marítima recomenda ainda à população para que não circule pela orla marítima.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.