Açoriano Oriental
Quatro mortos em temporal no sudeste de França e outros quatro desaparecidos

Quatro pessoas morreram na sequência do temporal que assola França, anunciaram hoje as autoridades francesas depois de dois corpos terem sido encontrados dentro de um veículo em Goudargues.


Autor: Lusa


As equipas de resgate continuam a procurar quatro pessoas dadas como desaparecidas no sudeste do país (em Gard e Ardèche), incluindo duas crianças, de 4 e 13 anos, o seu pai, e um homem cujo rasto se perdeu em Saint-Martin-de-Valama. 

A primeira vítima mortal registada foi um pescador, de 80 anos, que foi arrastado hoje pela maré na ilha de Ré, na costa oeste do país. 

A delegação do Governo de Gard comunicou, posteriormente, que foi também descoberto o corpo de um cidadão belga com cerca de 60 anos, cujo veículo foi arrastado pelas correntes de água quando tentava atravessar uma ponte, apesar de as autoridades terem proibido a sua utilização. 

No carro seguia outro ocupante que conseguiu sair e ser resgatado depois de ter passado mais de duas horas agarrado a ramos de árvores.

 As autoridades não confirmaram a identidade das vítimas mortais, ainda que se suspeite tratarem-se de duas mulheres, com 47 e 50 anos. As duas tinham alertado as equipas de resgate na madrugada, quando atravessavam uma ponte inundada. 

As mulheres dirigiam-se a Espanha mas não tinham nacionalidade espanhola. 

Os departamentos de Gard e Ardèche estão a ser afetados pela tempestade Mónica, caracterizada por chuvas torrenciais que se espera que diminuam durante o dia de hoje. 

Quatro helicópteros, drones e 300 bombeiros estão mobilizados nas operações de busca e salvamento naquela zona do país. 


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados