Açoriano Oriental
Covid-19
Pesca e exportação de pescado dos Açores com quebras de cerca de 80%

A pesca e exportação de pescado dos Açores estão a registar quebras de cerca de 80% devido à pandemia de Covid-19, alertou hoje o presidente da Federação de Pescas dos Açores.

article.title

Foto: Açoriano Oriental/Ana Carvalho Melo
Autor: Lusa/AO Online

Em declarações à agência Lusa, Gualberto Rita disse que cerca de 80% da frota pesqueira “está parada”, devido à pandemia de Covid-19, com “fortes impactos” no rendimento dos pescadores e na economia.

O dirigente referiu que a frota da pesca do atum regista uma “paragem completa”, enquanto os palangreiros, embarcações de pesca de espécies de fundo, encontram-se na mesma situação.

“O que se tem registado é alguma pesca de chicharro”, declara Gualberto Rita, que refere que os pescadores estão a acatar as indicações das autoridades regionais para fazer face à pandemia, mas “isso está a causar-lhes muito problemas, principalmente devido aos fortes impactos nos rendimentos”.

O presidente da Federação de Pescas dos Açores, que aponta a necessidade de adotar medidas de compensação, recorda que as espécies de exportação são as que registam “maior valor em primeira venda”, mas as exportações estão “praticamente fechadas”.

A pesca açoriana vai “limitar-se a pescar aquelas que são as espécies consumidas a nível regional”, que são de valor “muito mais baixo”, o que se reflete no rendimento dos pescadores dos Açores.

Também em declarações à Lusa, Pedro Melo, da Associação dos Comerciantes do Pescado dos Açores refere que se está com baixas de “cerca de 70 a 80% para o mercado de escoamento e exportação”, sendo que “internamente, é impossível, por enquanto, quantificar” valores.

“Na verdade, a leitura de tudo isto é muito difícil. Estamos muito dependentes do mercado externo e necessitamos de mais uns dias para perceber como se vai comportar o mercado daqui para frente”, declarou.

Pedro Melo aponta que “existe uma grande incerteza nestes primeiros dias” e o que a associação, o Governo Regional e a Federação de Pescas dos Açores têm feito é ,“em conjunto, acompanhar toda esta situação”.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.