Pelo menos 50 mortos em atentado suicida no Paquistão


 

Lusa/AO online   Internacional   5 de Nov de 2010, 10:53

Pelo menos 50 pessoas morreram esta sexta-feira quando rezavam devido à explosão de uma bomba por um suicida numa mesquita sunita no noroeste do Paquistão, segundo um novo balanço das autoridades.
Além das vítimas mortais, cerca de 70 pessoas ficaram feridas devido à explosão provocada por um suicida infiltrado no meio dos fiéis reunidos para a oração de sexta-feira ocorreu numa mesquita de Akhurwall, uma aldeia próxima de Peshawar, a grande cidade do noroeste.

O atentado de hoje foi perpetrado no distrito de de Darra Adam Khel, uma instável área perto das regiões tribais fronteiriças do Paquistão, onde os militantes islamitas estão muito activos

Desde o verão de 2007, cerca de 3800 pessoas morreram no Paquistão em cerca de 400 atentados e ataques – na maioria suicidas – perpetrados por talibãs paquistaneses e grupos aliados da Al-Qaida.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.