Morreu o patriarca da igreja ortodoxa sérvia


 

Lusa / AO online   Internacional   15 de Nov de 2009, 12:41

A Igreja ortodoxa sérvia anunciou hoje a morte do seu patriarca, Monsenhor Pavle, 95 anos, informou a cadeia de televisão pública RTS.

A agência Beta noticiara horas antes que o prelado ortodoxo morrera num hospital de Belgrado, citando uma informação prestada por um assistente do prelado.

O patriarca da Igreja ortodoxa sérvia esteve internado no hospital militar de Belgrado há dois anos atrás para ser submetido a exames relativos a diferentes problemas de saúde, cuja natureza exacta nunca foi revelada pelas autoridades religiosas.

Monsenhor Pavle tomou a seu cargo a chefia da Igreja ortodoxa sérvia em 1990, um pouco antes do desmoronamento sangrento da antiga Federação Jugoslava.

Sob a sua autoridade, a Igreja ortodoxa reconquistou uma grande influência junto da população.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.