Espanha

Elizaran era "chefe do aparelho político" da ETA


 

Lusa / AO online   Internacional   19 de Out de 2009, 16:00

Aitor Elizaran, um dos dois membros da ETA detidos no oeste de França, era "o chefe do aparelho político" da organização separatista basca, declarou o ministro do Interior espanhol, Alfredo Perez Rubalcaba.
"Segundo informações que me deu a guarda civil, é o chefe do aparelho político da ETA", declarou o ministro numa conferência de imprensa.

Aitor Elizaran, de 30 anos, era o responsável "encarregado de transmitir as instruções da ETA à esquerda independentista radical" basca, que sexta-feira foi novamente "decapitada" com a detenção do líder independentista Arnaldo Otegi e de quatro outros militantes.

Elizaran foi detido hoje de manhã em Carnac, com a sua companheira, igualmente presumível militante da ETA, Oihana Sanvicente, de 32 anos, durante uma operação conjunta da polícia francesa e da guarda civil espanhola, qualificada de "muito importante" pelo ministro espanhol.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.