PS acusa Berta Cabral de usar recursos da Câmara Municipal para campanha eleitoral

PS acusa Berta Cabral de usar recursos da Câmara Municipal para campanha eleitoral

 

Lusa/AO Online   Regional   12 de Jun de 2012, 18:34

Os vereadores do PS na Câmara de Ponta Delgada acusaram hoje a presidente da autarquia, Berta Cabral, de "utilizar recursos do município" em conteúdos do seu sítio na Internet de campanha eleitoral para a presidência do Governo dos Açores.

“O desnorte da candidatura é tal que, para tapar a ausência de propostas sérias e de agendamentos realmente eficazes, a candidata do PSD socorre-se da posição institucional que desempenha, contribuindo, deste modo, para o descrédito das funções para que foi eleita – presidente do município de Ponta Delgada”, referem os vereadores socialistas em comunicado.

Em causa está um texto publicado no sítio da Câmara de Ponta Delgada na Internet sobre uma intervenção de Berta Cabral num seminário na Universidade dos Açores, “produzido com meios do município”, que foi também publicado no sítio da candidatura do PSD à presidência do executivo regional.

Os vereadores socialistas recordam que já tinham alertado em 2010 que "a Câmara corria o risco de se transformar numa segunda sede do PSD/Açores”, frisando que a situação que denunciaram na reunião de hoje do executivo municipal “confirma que Berta Cabral usa atualmente a câmara apenas para fazer campanha eleitoral pelo PSD”.

Para o PS, trata-se de um “facto de extrema gravidade, que demonstra mais uma vez a completa promiscuidade entre o cargo de presidente de câmara e o de candidata do PSD/Açores”.

Na reação a estas críticas, os vereadores do PSD rejeitaram as acusações, considerando que "o que seria grave era o sítio oficial da Câmara Municipal reproduzir uma declaração da presidente do PSD".

Os social-democratas, em comunicado, consideram que os vereadores socialistas "continuam apostados em utilizar as reuniões oficiais da Câmara Municipal para fazer campanha eleitoral a favor do PS", acrescentando que se "entretêm com o simples fato de uma declaração da presidente da Câmara ter sido citada no sítio do PSD".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.