Açoriano Oriental
PPM anuncia que Governo açoriano vai criar ‘stock’ de gasolina na ilha do Corvo

O Governo dos Açores (PSD/CDS-PP/PPM) vai criar no imediato um ‘stock’ de gasolina na ilha do Corvo, onde há falta deste combustível, anunciou hoje o partido monárquico.

PPM anuncia que Governo açoriano vai criar ‘stock’ de gasolina na ilha do Corvo

Autor: Lusa


“O PPM sabe que o Fundo Regional de Apoio à Coesão e ao Desenvolvimento Económico irá criar, tal como já sucede com o gasóleo e o gás, um ‘stock’ de segurança de gasolina para enfrentar qualquer situação extraordinária que venha a ocorrer no futuro”, adianta o partido em comunicado.

Os monárquicos açorianos, cujo líder foi eleito pelo Corvo à Assembleia Regional, acrescentam que a “medida será implementada de imediato”.

No comunicado, o PPM acusa ainda o PS de estar a viver um “frenesim pré-eleitoral”.

“[O PS] acredita que conseguirá derrubar o Governo Regional através do eventual chumbo do próximo Plano e Orçamento. É o desespero para regressar ao poder que explica uma conduta política irresponsável por parte do PS/Açores. Cavalga mentiras e tenta manipular tudo e todos”, condena o PPM.

Na quarta-feira, o deputado socialista eleito pelo Corvo disse que a mais pequena ilha dos Açores está “sem combustível” por falha de abastecimento, verificando-se também roturas de 'stocks' em vários bens essenciais.

Hoje, o deputado regional do PPM Paulo Estêvão disse ser “falso que existam irregularidades no transporte marítimo de mercadorias” para a ilha.

Segundo o deputado, o “abastecimento regular, que se realiza de quinze em quinze dias, está atrasado cinco dias”, estando a operação prevista ser realizada a partir de sexta-feira.

O PPM afirma ser falso que exista uma crise de abastecimento de combustíveis na ilha do Corvo, lembrando que a “gestão do posto de abastecimento do Corvo é da responsabilidade do revendedor local”.

“Não nos cabe a nós imputar eventuais responsabilidades de gestão e de controlo do ‘stock’ de gasolina. Acima de tudo importa procurar soluções, que evitem a repetição deste género de situações”, lê-se na nota de imprensa.

Na quinta-feira, a secretária do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas dos Açores, Berta Cabral, confirmou que “falta gasolina” na ilha do Corvo, mas disse não ter conhecimento “de particulares estarem a ter qualquer tipo de dificuldade de abastecimento”.

“O navio [que vai transportar combustível] está já a abastecer para seguir para a ilha do Corvo. Mas eu também devo dizer o seguinte: não faltam combustíveis, falta gasolina”, disse a governante aos jornalistas, nas Lajes do Pico, à margem da visita estatutária do executivo açoriano (PSD/CDS_PP/PPM) à ilha do Pico, que termina hoje.

Antes, o PS referiu que, “após contactos com vários corvinos, o secretário coordenador do PS/Corvo confirmou que não existe combustível disponível na ilha do Corvo junto do empresário que gere a única bomba de combustível da ilha".


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados