Tailândia

Pelo menos seis turistas alemães e dois guias morreram na sequência de uma inundação em gruta no Sul do país


 

Lusa / AO online   Internacional   14 de Out de 2007, 11:49

Pelo menos seis turistas alemães, entre os quais três crianças, e dois guias tailandeses morreram quando fortes chuvas inundaram uma gruta na província de Surat Thani, sul da Tailândia, informaram hoje autoridades daquele país.
    De acordo com a polícia daquela província tailandesa, citada pela agência de notícias EFE, as operações de salvamento prosseguem no interior da gruta para encontrar um outro turista alemão, que continua desaparecido na caverna subterrânea, situada no parque natural de Khao Sok.

    Porta-vozes da polícia informaram que os turistas ignoraram as recomendações das autoridades do parque e, na tarde de sábado, entraram na gruta a bordo de uma embarcação quando as águas no local já atingiam níveis máximos devido as fortes chuvas que afectam a região.

    O incidente ocorreu, de acordo com as mesmas fontes, quando uma súbita tempestade de três horas com chuvas torrenciais inundou a gruta subterrânea, um dos principais destinos turísticos daquela província.

    As fortes chuvas que atingem a Tailândia desde sexta-feira provocaram fortes inundações e já vitimaram mais duas crianças no distrito de Muang, tendo causado ainda fortes estragos na província de Chiang Mai, no norte do país, onde estradas e cerca de 30 casas foram destruídas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.