ONU exige investigação sobre intervenção israelita contra frota humanitária

ONU exige investigação sobre intervenção israelita contra frota humanitária

 

Lusa/AO Online   Internacional   1 de Jun de 2010, 06:30

O Conselho de Segurança da ONU exigiu hoje uma investigação sobre a intervenção militar israelita de segunda feira contra uma frota pró-palestiniana com ajuda humanitária para Gaza, bem como a libertação imediata dos navios e civis detidos.

O Conselho “pede que seja iniciada sem demoras uma investigação imparcial, credível e transparente de acordo com os critérios internacionais”, numa declaração lida hoje de manhã pelo seu presidente atual, o embaixador do México Claude Heller.

O Conselho “exige a libertação imediata dos navios, bem como dos civis detidos por Israel”, prossegue a declaração, que não é vinculativa mas necessitou da unanimidade dos 15 membros do Conselho para ser adotada.

A declaração foi aprovada após uma sessão do Conselho que se prolongou por mais de 12 horas.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.