Cinema

"Mistérios de Lisboa" e "José e Pilar" pré-seleccionados para Óscares

"Mistérios de Lisboa" e "José e Pilar" pré-seleccionados para Óscares

 

Lusa/AO online   Cultura e Social   20 de Dez de 2011, 15:49

Os filmes portugueses “José e Pilar” e “Mistérios de Lisboa” estão na lista das 265 longas-metragens aceites para uma possível nomeação para o Óscar de "Melhor Filme", anunciou hoje a Academia, que atribui os prémios.
As duas produções portuguesas entraram na lista divulgada hoje pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos, por cumprirem os requisitos, como ter tido estreia comercial nos Estados Unidos e ter estado pelo menos sete dias consecutivos em cartaz.

“José e Pilar” é um documentário que Miguel Gonçalves Mendes fez sobre o escritor português José Saramago, Nobel da Literatura em 1998, sobre o processo criativo, sobre a relação com a mulher, Pilar del Río, com os leitores e com o mundo.

“Mistérios de Lisboa”, do chileno Raul Ruiz, baseado na obra homónima de Camilo Castelo Branco e com argumento de Carlos Saboga, foi rodado totalmente em Portugal e contou no elenco com atores como Maria João Bastos, Adriano Luz e Ricardo Pereira.

O realizador morreu a 19 de agosto em Paris e "Mistérios de Lisboa", produzido por Paulo Branco, foi o último filme que fez.

“José e Pilar” é ainda o candidato de Portugal a uma nomeação para o Óscar de "Melhor Filme Estrangeiro".

De acordo com a Academia, o fado "Já não estar", com letra de Manuela de Freitas e música de José Mário Branco, interpretado por Camané no documentário de Miguel Gonçalves Mendes foi pré-seleccionado para o Óscar de "Melhor Canção Original".

Entre os 265 filmes que cumprem os requisitos para “Melhor Filme” contam-se ainda produções como “Os idos de março”, de George Clooney, “Melacholia”, de Lars von Trier, “Drive”, de Nicolas Winding Refn, “Carnage”, de Roman Polanski, “Hugo”, Martin Scorsese, “A árvore da vida”, de Terrence Malick, “A Toupeira”, de Tomas Alfredson, ou “As aventuras de Tintin: O segredo do Licorne”, de Steven Spielberg.

A 84.ª edição dos Óscares decorrerá a 26 de fevereiro em Los Angeles, Califórnia, mas os nomeados serão divulgados a 24 de janeiro.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.