Açoriano Oriental
Meia-maratona de São Miguel a 3 de março

A 18.ª edição da prova, organizada pelo Núcleo Sportinguista da ilha de São Miguel, vai ligar os concelhos vizinhos no próximo dia 3 de março

Meia-maratona de São Miguel a 3 de março

Autor: Mariana Lucas Furtado

A 18.ª meia-maratona da ilha de São Miguel vai voltar a unir os concelhos de Ponta Delgada e Ribeira Grande no próximo dia 3 de março. A partida será dada pelas 10h00, no Campo de São Francisco, em Ponta Delgada.

Este ano não existem alterações de percurso significativas a assinalar em relação aos anos anteriores, mas a organização mantém a forte aposta no desporto adaptado, como já vem sendo hábito em edições passadas.

Nesta edição, a meia-maratona regista a maior participação de sempre de atletas invisuais, com quatro participantes inscritas, incluindo a atleta paralímpica Odete Fiuza, que já marcou presença em sete edições dos Jogos Paralímpicos. Para já é também garantida a participação de atletas de cadeiras de rodas.

Para o recém-reeleito presidente do Núcleo Sportinguista da ilha de São Miguel, Carlos Melo, a concretização desta prova é mais um sinal do esforço que tem sido veiculado pelo clube para a manutenção das suas várias modalidades, e traduz também a importância que o desporto paralímpico tem vindo a conquistar.

Pedro Furtado, vereador da Câmara Municipal de Ponta Delgada, na ocasião da apresentação da meia-maratona, que decorreu ontem à tarde no concelho da Ribeira Grande, enalteceu o “ótimo trabalho” que tem sido desenvolvido pelo corpo camarário da autarquia vizinha na área do desporto, bem como “a forma de trabalho conjunta e complementar” estabelecida entre os dois municípios. 

“Temos feito de tudo ao longo dos últimos anos para fazer do desporto um veículo de inclusão social”, salientou ainda o representante da autarquia liderada por Pedro Nascimento Cabral.

Já da parte do concelho que acolhe a chegada da prova, o vereador para o desporto da Câmara Municipal da Ribeira Grande, José António Garcia, salientou “o dever dos municípios” em dar resposta aos “vários desafios a nível da juventude” que ainda há para ultrapassar, ao nível da “formação humana”, “física” e de “valores”.

Até à data estão cerca de 150 pessoas inscritas, contando a organização chegar às duas centenas de participantes, incluindo atletas vindos do continente português e outras ilhas.

A prova contará com o apoio das forças de segurança para o policiamento das estradas e garantia das condições de segurança. A acompanhar o percurso estarão duas ambulâncias de serviço e haverá pontos de abastecimento de água a cada cinco quilómetros.

As inscrições estão abertas até 29 de fevereiro para atletas residentes em São Miguel (realizadas na Associação de Atletismo de São Miguel e com o custo de 5 euros no momento de levantamento do dorsal - excluindo atletas de desporto adaptado) e até 27 de fevereiro para atletas visitantes (através dos endereços [email protected] e [email protected], com indicação de nome completo e data de nascimento). 

PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados