Marta Paço conquista medalha de ouro no primeiro europeu de surf adaptado


 

AO Online/ Lusa   Outras modalidades   25 de Mai de 2019, 15:55

A surfista portuguesa Marta Jordão Paço, de 14 anos, conquistou este sábado a medalha de ouro na classe AS-VI no primeiro campeonato de surf adaptado, a decorrer, na Praia do Cabedelo, em Viana do Castelo.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência, João Aranha, adiantou que a atleta natural de Viana do Castelo, invisual, "entrou na primeira bateria do dia, tendo-se sagrado campeã europeia individual feminina e, após disputar a o no Open AS-VI com os atletas masculinos, alcançou o terceiro lugar no primeiro campeonato europeu de surf adaptado".

A entrega dos prémios está marcada para as 16:00, no Centro de Alto Rendimento de Surf de Viana do Castelo, na Praia do Cabedelo, na margem esquerda do rio Lima.

Além de Marta Jordão Paço, a seleção lusa é composta por Nuno Vitorino, Camilo Abdula e Nuno Maltêz.

Segundo João Aranha, Camilo Abdula é vice-campeão europeu na classe AS1, Nuno Maltêz, na categoria AS4, foi quarto da geral e Nuno Vitorino sagrou-se campeão europeu na categoria AS 5 Assist.

Por equipas, a seleção nacional conquistou a medalha de bronze.

O presidente da Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência referiu o 1º European Adaptive Surfing Championship foi um "sucesso", destacando a organização "exemplar" do Surf Clube de Viana (SCV), e da "Câmara de Viana do Castelo que apoiou o evento desde o primeiro minuto".

"Para a seleção portuguesa foi muito bom. Os atletas da seleção nacional foram todos à final e o resultado de uma equipa que tem metade da dimensão das outras, o terceiro lugar, é muito bom", destacou João Aranha.

O primeiro campeonato europeu de surf adaptado começou no dia 21 com a presença de seis seleções nacionais, entre Portugal, Espanha, Itália, França, Reino Unido e Alemanha.

O primeiro campeonato europeu de surf adaptado é organizado pela Câmara Municipal, pelo Surf Clube de Viana, Federação Europeia de Surf, a Federação Portuguesa de Surf, a Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência, o Instituto Português do Desporto e Juventude, o Comité Paralímpico de Portugal.

Marta João Paço conquistou, em dezembro de 2018, a medalha de bronze no mundial de surf adaptado, nos Estados Unidos. Na altura, apenas com 13 anos e cega de nascença, Marta Jordão Paço foi a atleta mais jovem do ISA World Adptative Surfing Championship, que decorreu na praia de La Jola,em San Diego, Califórnia.

Em janeiro último, a Câmara de Viana do Castelo atribuiu-lhe à jovem, natural da freguesia de Outeiro, o título de Cidadã de Mérito, a personalidade "mais nova de sempre" a receber aquele título honorífico de Viana do Castelo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.