Vietname

Mais de 10 mil presos vão celebrar Dia da Independência

Mais de 10 mil presos vão celebrar Dia da Independência

 

Lusa/AO Online   Internacional   29 de Ago de 2011, 08:45

O Governo do Vietname anunciou hoje que vai conceder amnistia a 10.535 prisioneiros, cinco dos quais presos por violarem a segurança nacional, para celebrar o Dia Nacional da Independência, que se assinala a 02 de setembro.

Outros três reclusos que irão beneficiar da amnistia agora anunciada pertencem a minorias étnicas da zona central do país, enquanto que outros 11 são estrangeiros, nacionais dos Estados Unidos, Canadá e Austrália.

Mais de 17 mil presos foram libertados no ano passado e mais de 5.000 em 2009, também por ocasião do Dia Nacional da Independência.

O regime comunista vietnamita aplica o Código Penal a todos que criticam publicamente o Executivo e não reconhece oficialmente a presença de presos políticos no país.

A amnistia deste ano não abrange dissidentes conhecidos como o advogado vietnamita Cu Huy Ha Vu, a quem um tribunal negou, durante este mês, rever a sentença que o condena a sete anos de prisão pela difusão de propaganda contrária à política comunista.

De acordo com a Comissão de Direitos Humanos do Vietname, pelo menos 258 prisioneiros políticos vivem nas prisões do país, “onde os direitos civis e políticos, assim como económicos e sociais, são, de forma sistemática, violados”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.