Açoriano Oriental
João Henriques quer triunfo sobre Paços de Ferreira para “parabenizar” Santa Clara

O treinador do Santa Clara, João Henriques, afirmou que quer vencer na receção ao Paços de Ferreira para "parabenizar o clube pelos seus 99 anos", no jogo da 19.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

article.title

Foto: Pedro Amaral
Autor: Lusa/AO Online

"Com todo o respeito pelo nosso adversário, estamos em momento de aniversário e vamos querer dar a prenda e parabenizar o clube pelos seus 99 anos com uma vitória, também para dar esperança aos nossos adeptos para nos acompanharem até final", afirmou João Henriques, na antevisão ao encontro, que se irá disputar no estádio de São Miguel.

Fundando em 1921, o clube açoriano cumpre hoje 99 anos de história, momento que será assinalado com a realização de uma gala em Ponta Delgada.

Para conseguir a "prenda" no aniversário o clube, o Santa Clara terá de ultrapassar o Paços de Ferreira, uma equipa que tem melhorado "muito no aspeto do processo defensivo", que é "forte nas bolas paradas" e que tem ganho "consistência" ao longo do campeonato, segundo o treinador dos insulares.

"É uma equipa que se está a tornar muito perigosa, porque, como não sofre golos e está a melhorar no seu processo ofensivo, torna-se uma equipa sempre muito perigosa e difícil de bater. E isso é um fator que temos em atenção", assinalou.

Referindo que o Paços de Ferreira teve uma "sequência de quatro jogos sem sofrer golos" (interrompida pela derrota frente ao Benfica, por 2-0, na jornada passada), João Henriques destacou que o treinador dos pacenses, Pepa, consegue "manter a equipa sempre motivada".

"Tem um treinador experimentado na I Liga, que em situações bem mais complicadas consegue manter a equipa sempre motivada e sem perder o foco naquilo que são os objetivos finais, que é a manutenção. Está a consegui-lo novamente", apontou.

Depois da vitória em Famalicão, por 1-0, na jornada passada, o treinador, de 47 anos, considerou que todos os jogos da segunda metade do campeonato vão ser "tremendamente difíceis".

"Temos de estar muito bem, muito atentos, todos os jogos vão ser tremendamente difíceis até ao final. Este, com o Paços, não foge à regra", assinalou.

Para a segunda metade do campeonato, João Henriques afirmou que o "desejo" da equipa é fazer "igual ou melhor" do que foi feito na primeira volta, "frente a qualquer adversário", começando já no próximo encontro.

"Fomos a Paços vencer [na primeira volta, por 1-0], sabemos que fazer igual é vencer também. Garantíamos não só a diferença dos sete pontos na tabela classificativa, mas com um bónus, de ter vantagem sobre o Paços no confronto direto e isso começa a ser muito importante", disse.

Com a vitória diante do Famalicão, a formação açoriana assegurou o segundo triunfo (a outra vitória foi diante do Desportivo das Aves, por 1-0), nos últimos 11 jogos do campeonato, nos quais averbou mais três empates e seis derrotas.

O Santa Clara, 12.º classificado, com 20 pontos, e Paços de Ferreira, 16.º, com 16, medem forças no próximo sábado, às 19h30, no estádio de São Miguel, nos Açores.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.