Expolab recebe Noite dos Investigadores

Expolab recebe Noite dos Investigadores

 

Nuno Martins Neves   Cultura e Social   26 de Set de 2013, 18:18

Esta sexta-feira, dia 27, o Expolab na Lagoa vai receber, pela quinta vez consecutiva, a Noite dos Investigadores. Este ano, o tema é "O Futuro em 2020".
Com entrada e transporte desde as Portas do Mar (Ponta Delgada) até ao Expolab (Lagoa) gratuitos, a “Noite” começa às 18h00 e termina às 24h00. Quem se deslocar até ao espaço, poderá encontrar uma série de atividades que vão desde a Ciência Viva, com laboratórios práticos para quem quiser ser ‘cientista’ por uns instantes, exposições, um planetário móvel, cortesia do Observatório Astronómico de Santana, além de outras atividades.

 

Armindo Rodrigues, da Universidade dos Açores (UAç) e um dos responsáveis pelo projeto, explica que a Noite dos Investigadores “cria  um espaço informal de contacto entre os cientistas, os investigadores e o público em geral. De modo a desmistificar, em certa medida, esta profissão que parece inacessível”.

 

Todas as áreas da ciência vão estar representadas no Expolab, com particular enfoque aos principais pontos de interesse da academia açoriana.

 

Para Armindo Rodrigues, eventos como a “Noite” são importantes para aproximar a comunidade dos investigadores. “É uma forma muito interessante de valorizar o conhecimento. Não tenho tanta certeza que a comunidade valorize o conhecimento e a investigação científica. Todos nós temos gestos simples de ligar o micro-ondas, por exemplo, mas não imaginamos a quantidade de investigação que foi preciso para usufruir dessa tecnologia”.

 

Sobre o tema de 2013, “O Futuro em 2020”, o professor universitário descobre um pouco o véu do que pode ser encontrado na sexta-feira.

 

“Foi um tema lançado pela Europa, vamos procurar transmitir à sociedade que o que seremos em 2020 vai ser, com certeza, fruto da investigação que está a decorrer hoje. Vamos apelar a uma viagem ao futuro”.

 

Para Susana Cabral, da Expolab, a Noite dos Investigadores é um sucesso desde a primeira edição. “É um espaço de ligação entre a sociedade e a comunidade científica, para o público em geral. O interesse tem sido crescente, sempre foi uma noite com muita adesão”.

 

A Noite dos Investigadores é um projeto europeu financiando pela Comissão Europeia que se realiza em mais de 300 localidades na Europa, em Israel e na Turquia. Em Portugal, são 28 as localidades que aderiram, das quais três nos Açores. Além da Lagoa, em São Miguel, também em Angra do Heroísmo (Terceira) e Horta (Faial).

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.