Alunos da universidade manifestam-se por falta de papel higiénico

Carregando o video...

 

Luís Pedro Silva/Sara Rocha   Regional   22 de Out de 2012, 16:36

A Universidade dos Açores foi esta segunda-feira invadida por uma manifestação do "papel higiénico" por parte dos alunos desta casa que protestaram, relativamente, às más condições que esta instituição oferece, tanto em termos de materiais higiénicos, como de materiais de apoio aos vários departamentos.

Segundo o representante dos alunos no Conselho Geral desta universidade, Luís Freitas, os alunos decidiriam que este seria o objeto que apresentaria menos encargos para a sua demonstração de descontentamento.

De acordo com a mesma fonte, foi pedido aos alunos que escrevessem uma sugestão ou queixa nos rolos de papel higiénico, demonstrando assim a sua preocupação face ao futuro da Universidade dos Açores.

Já Tiago Meneses, representante dos alunos de Biologia, lamenta que haja falta de material, tanto a nível do laboratório, como ao nível das aulas práticas, pois “já não existe combustível para ir para campo”.

Para este “num curso de Biologia é preciso dinheiro para que se possa aprender”, salienta Tiago Meneses.

A falta de papel higiénico na universidade, começou há um mês, como relata Joana Calado, aluna do curso de Comunicação Social e Cultura.

Esta também divulga problemas no seu curso, ao nível do material necessário para poder efetuar os trabalhos das várias disciplinas, chegando mesmo os alunos a terem de comprar o seu próprio material.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.