696 mortos nas estradas desde o início do ano, menos 18 que em 2008

696 mortos nas estradas desde o início do ano, menos 18 que em 2008

 

Lusa/AO Online   Nacional   10 de Dez de 2009, 11:48

 Os acidentes nas estradas portuguesas provocaram desde o início do ano 696 mortos, menos 18 do que em igual período de 2008, divulgou hoje a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR).

Os dados da ANSR, que compila informações estatísticas da PSP e da GNR, referem que entre 01 de Janeiro e 07 de Dezembro morreram 696 pessoas em acidentes rodoviários, enquanto em período idêntico do ano passado tinham sido 714 vítimas.

Segundo a ANSR, Lisboa foi o distrito onde os acidentes causaram mais vítimas mortais (76), seguido de Santarém (72) e Porto (70).

Já os distritos com menos mortos nas estradas são Portalegre (nove), Bragança (10), Vila Real e Guarda (15 cada).

Os dados da ANSR indicam, igualmente, que o número de feridos graves diminuiu ligeiramente até 07 de Dezembro face ao mesmo período do ano passado.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.