Açoriano Oriental
Vasco Cordeiro lamenta desaparecimento de Avelino Rodrigues, dirigente histórico do PS nos Açores

O Presidente do PS/Açores lamentou este sábado a morte de Avelino Feliciano Martins Rodrigues, primeiro Secretário-Coordenador da Federação dos Açores do Partido Socialista.

Vasco Cordeiro lamenta desaparecimento de Avelino Rodrigues, dirigente histórico do PS nos Açores

Autor: AO Online/ Lusa

“Foi um dos obreiros do PS nos Açores. Os socialistas Açorianos estão hoje de luto pelo desaparecimento de Avelino Rodrigues. Foi dirigente histórico do PS, impulsionador da implementação do PS nos Açores nos primórdios da Autonomia, defensor acérrimo dos Açores na Assembleia da República. é com consternação que, em nome dos socialistas açorianos, endereço à sua família e aos seus mais próximos o nosso voto de pesar”, afirmou Vasco Cordeiro.

Eleito, em 1981, na Sociedade Nova das Lajes, Terceira, onde decorreu I Congresso da Federação dos Açores do PS, designação à data utilizada, uma vez que no período fundacional do PS nos Açores, a estrutura estava dividida em 3 federações (Horta, Angra do Heroísmo e Ponta Delgada), Avelino Rodrigues, nascido a 10 de novembro de 1943, tirou o Curso Geral do Comércio na Escola Industrial de Ponta Delgada e era bancário de profissão.

Foi eleito deputado à Assembleia Legislativa dos Açores na II legislatura (1980-1984). Foi, ainda, deputado à Assembleia da República, tendo, em 1983, liderado a lista do PS pelo círculo eleitoral do Açores, substituindo, na ocasião, Jaime Gama que até então tinha sido sempre o cabeça de lista pelos socialistas açorianos pelo ex-distrito de Ponta Delgada, numa época em que os Açores tinham três círculos eleitorais para a Assembleia da República.

Foi também autarca, eleito vereador pelo PS à Câmara Municipal de Ponta Delgada.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.