Trump avisa democratas "chorões" que sem muro não haverá reforma para "sonhadores"

Trump avisa democratas "chorões" que sem muro não haverá reforma para "sonhadores"

 

Lusa/AO online   Internacional   24 de Jan de 2018, 09:27

O Presidente norte-americano advertiu esta quarta-feira os democratas, a cujo líder no Senado chamou de “chorão”, de que não aprovará uma reforma migratória para os “sonhadores” caso reprovem o financiamento para a construção de um muro com o México.

“O chorão Chuck Schumer entende perfeitamente, especialmente após a sua humilhante derrota, de que se não houver muro, não há DACA (sonhadores)”, disse Donald Trump, numa mensagem publicada no Twitter.

O Presidente dos Estados Unidos referia-se assim à negociação sobre o orçamento que republicanos e democratas iniciaram após a reabertura, na segunda-feira à noite, da Administração federal, após um encerramento parcial (‘shutdown’) de três dias por falta de fundos.

Enquanto os democratas exigem a regularização da situação de 800 mil jovens indocumentados, conhecidos como “sonhadores” (‘dreamers’), Trump e a maioria republicana no Congresso e no Senado reclamam, em troca, financiamento para o muro fronteiriço.

As duas partes comprometeram-se a negociar até ao próximo dia 08 de fevereiro, data em que a Administração voltará a ficar sem fundos e poderá enfrentar um novo ‘shutdown’, se até lá não for alcançado um acordo.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.