Futebol de Praia

Portugal assegura "quartos" com triunfo sobre Estados Unidos

Portugal assegura "quartos" com triunfo sobre Estados Unidos

 

Lusa / AO online   Futebol   6 de Nov de 2007, 16:21

A selecção portuguesa assegurou com grande dificuldade, um lugar nos quartos-de-final do Mundial de futebol de praia, em que terá o Brasil como adversário, ao derrotar os Estados Unidos por 6-5, após prolongamento.
Um golo de Bilro, mesmo em cima do apito final do prolongamento, garantiu o suadíssimo triunfo a Portugal, que assim conseguiu garantir a presença na fase seguinte, onde vai ter de defrontar o Brasil, anfitrião da prova e campeão em título.

Depois de ter somado um triunfo, este nas grandes penalidades, e uma derrota nas rondas anteriores, Portugal tinha de vencer o embate frente aos norte-americanos, já que estes também seguiam em frente em caso de triunfo.

A formação portuguesa entrou determinada a não se deixar surpreender pelos norte-americanos e chegou ao final do primeiro período a vencer por 2-0, com tentos de Madjer e Bilro, conferindo assim alguma tranquilidade à equipa.

O ascendente luso manteve-se no segundo período, tendo Alan anotado o terceiro golo de Portugal, num sinal de que muito dificilmente os norte-americanos conseguiriam dar a volta aos acontecimentos.

No entanto, Astorga, poucos minutos depois, deu algum alento aos Estados Unidos, reduzindo para 3-1, mas novamente Alan, pouco depois, recolocou a diferença em três golos (4-1), vantagem que durou pouco tempo, pois Astorga bisou no encontro e levou a sua equipa para o descanso a perder por apenas dois tentos.

A expulsão de Barraca, por acumulação de amarelos, no final do segundo período, deu ainda mais ânimo aos norte-americanos, que, chegaram à desvantagem mínima no início do derradeiro período, com um tento de Nolz, enquanto Chimienti, a meio do período, colocou o encontro empatado.

A entrada na fase final da partida foi empolgante, com os norte-americanos a passarem finalmente para a frente no marcador, por intermédio de Albuquerque, mas Madjer, na reposição, restabeleceu a igualdade com que terminou o tempo regulamentar (5-5).

Com as duas equipas a necessitarem de vencer para seguir em frente, o prolongamento foi vivido com grande intensidade, tendo Portugal sido mais feliz, quando Bilro, já em cima do apito final, rematou cruzado para a baliza contrária e garantiu um difícil triunfo para Portugal.

Agora, nos quartos-de-final, Portugal vai defrontar um dos adversários mais temíveis da prova, o Brasil, crónico candidato ao título e que tentará defender o troféu conquistado na última edição.

   

Jogo na Arena de Copacabana, no Rio de Janeiro.

Estados Unidos - Portugal, 5-6 (após prolongamento).

Marcadores:

    0-1, Madjer, 01.53 minutos.

    0-2, Bilro, 07.09.

    0-3, Alan, 13.13.

    1-3, Astorga, 16.43.

    1-4, Alan, 17.54.

    2-4, Astorga, 20.42.

    3-4, Nolz, 25.55.

    4-4, Chimienti, 29.43.

    5-4, Albuquerque, 34.27.

    5-5, Madjer, 34.29.

    5-6, Bilro, 38.59.

   

Equipas:

    - Estados Unidos: Montanez, Alburquerque, Chimienti, Ibsen e Farberoff.

    (Suplentes: Elfvin, Taguinod, Morales, Astorga, Nolz, Xexeo e Silva).

    - Portugal: Bruno, Hernâni, Alan, Madjer e Bilro.

    (suplentes: Rodrigues, David, Álvaro, R. Loja, Barraca, Belchior e Marinho).

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.