Navios da NATO deverão reabastecer mais nos Açores

Navios da NATO deverão reabastecer mais nos Açores

 

Paulo Faustino   Regional   24 de Jan de 2019, 09:03

Aliança Atlântica está novamente a centrar o seu foco no Oceano Atlântico, o que faz com que o depósito POL NATO reganhe importância como ponto logístico aos navios da NATO

O Depósito POL NATO de Ponta Delgada, que em 2020 irá comemorar 50 anos de serviço, deverá reganhar importância nos próximos tempos enquanto infraestrutura da Aliança Atlântica (NATO) com condições para o reabastecimento de navios e submarinos militares entre o oeste e este do Oceano Atlântico.

Quem o diz é o Comandante da Zona Marítima dos Açores (ZMA), José Croca Favinha, que lembra que a NATO está outra vez a centrar o foco naquele que é o fundamento da sua fundação, o Oceano Atlântico, isto depois da Rússia ter anexado em 2014 a península ucraniana da Crimeia e do consequente aumento das tensões entre os dois países.


Leia mais na edição desta quinta-feira, 24 janeiro 2019, do jornal Açoriano Oriental



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.