Greve dos pilotos vai afectar passageiros

Greve dos pilotos vai afectar passageiros

 

Lusa/AOonline   Regional   20 de Out de 2007, 11:53

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) vai garantir, durante os seis dias de greve anunciados, todos os voos de regresso a Portugal previamente publicados em escala, mas muitos passageiros deverão mesmo assim ser afectados.

   A greve, que afectará as companhias de aviação comercial nacionais (TAP e SATA), está prevista para os dias 23, 25 e 27 de Outubro e 05, 07 e 09 de Novembro e visa protestar contra o aumento da idade de reforma para os 65 anos e os valores das pensões.

    Nos dias 23 e 27 de Outubro e 05 e 09 de Novembro a paralisação terá início às 04:00 e terminará as 17:00, enquanto nos dias 25 de Outubro e 07 de Novembro, as paragens serão entre as 00:00 e as 24:00.

    No entanto, segundo um comunicado do SPAC, a estrutura sindical e as companhias aéreas chegaram a acordo sobre os serviços mínimos a prestar, de modo a assegurarem a "satisfação das necessidades sociais impreteríveis".

    Neste sentido, ficou acordada a realização de todos os voos de regresso ao território nacional (continente ou regiões autónomas) previamente publicados em escala, assim como a realização de todos os voos de cariz humanitário.

    Além disso, pela TAP Portugal ficam assegurados os voos Lisboa/Funchal (TP 723) Funchal/Lisboa (TP 832), Lisboa/Funchal (TP 1645) e Funchal/Lisboa (TP 728).

    No dia 25 de Outubro, a TAP realizará também os voos Lisboa/Funchal/Lisboa (TP 587/TP 1670 e TP 1685 e TP a atribuir).

    No dia 07 de Novembro, a TAP realizará também os voos Lisboa/Funchal/Lisboa TP 589/TP 1684/TP 1685/TP a atribuir.

    No trajecto Lisboa/Terceira são realizados os seguintes voos: TP 1827 ou 1821 (aquele que for aplicável na data em questão).

    Nos dias 25 e 27 de Outubro apenas se realizará o voo 1827.

    No percurso Terceira/Lisboa realizam-se os voos TP 1828 ou 1822 (aquele que for aplicável na data em questão).

    Nos dias 25 e 27 de Outubro apneas se realizará o voo 1828.

    No dia 23 de Outubro, o voo TP 1827/ TP 1828 será substituído pelo voo TP 1817 (Lisboa/Pico/Terceira/Lisboa).

    Lisboa/Horta realiza-se o voo TP 1843 e no sentido Horta/Lisboa realiza-se o voo TP 1844.

    Na SATA Internacional, realiza-se o voo SA 125 ou SA 129 (aquele que for aplicável na data em questão) no percurso Lisboa/Ponta Delgada.

    No dia 25 de Outubro, o voo a realizar será o SA 122/ 4012 (incluindo Santa Maria).

    Ponta Delgada/Lisboa realiza-se o voo SA 122 ou SA 128 (aquele que for aplicável na data em questão), Ponta Delgada/Funchal o voo SA 160, Funchal/Ponta Delgada o voo SA 163, Lisboa/Horta o voo SA 153 e Horta/Lisboa o voo SA 152.

    Na SATA Air Açores, os serviços mínimos prevêem três partidas e chegadas em Ponta Delgada, uma chegada e uma partida em cada uma das restantes ilhas, excepto quanto à Ilha Terceira e Faial, em relação às quais ficarão assegurados cinco e três toques, respectivamente.

    Nos sábados e domingos, quatro partidas e chegadas em Ponta Delgada, uma chegada e uma partida em cada uma das restantes ilhas, excepto quanto à Ilha Terceira e Faial, em relação às quais ficarão assegurados quatro e dois toques, respectivamente.

    Funchal/Porto Santo/Funchal realiza-se o voo SP 1690/SP 1691.

    Com esta greve, a SPAC quer que o Governo reconheça as "especificidades" da profissão de piloto, cujo "grau de desgaste, risco, exigência, responsabilidade e especificidade determinam e condicionam a segurança do tráfego aéreo".

    A TAP já informou que "estas greves provocarão inevitáveis dificuldades à Companhia, prejudicando seriamente a normalidade da sua operação e, em especial, os seus passageiros com viagens marcadas para os períodos em causa".

    A TAP solicita assim aos passageiros que contactem os serviços de reservas, através do telefone 707205700, para se informarem da situação dos seus voos e, caso necessário, alterarem as viagens para datas não coincidentes com a greve.

   
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.