Cinema

Festival Internacional de Salónica começa envolto em polémica


 

Lusa / AO online   Internacional   13 de Nov de 2009, 14:29

O Festival Internacional de Cinema de Salónica, que esta sexta-feira começa na cidade do norte da Grécia, celebra este ano o 50.º aniversário envolto em polémica devido à ausência de cineastas gregos, que decidiram boicotá-lo.
Cento e quarenta profissionais do cinema grego, entre os quais os realizadores Costa-Gravas e Yorgos Lanthimos, este premiado em Cannes na edição deste ano, estarão ausentes do certame para mostrar o seu desagrado face à ausência de medidas de apoio do Estado ao sector.

Liderado por um colectivo intitulado Cineastas da Grécia, este movimento vai privar o Festival de Salónica do essencial da produção cinematográfica do país, num total de 23 filmes.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.