Hóquei em Patins

FC Porto bate HC Cambra e ergue Supertaça


 

Lusa/AO   Outras modalidades   22 de Set de 2007, 17:39

Os hexacampeões controlaram o adversário e fizeram valer a sua maior experiência, goleando por 5-1
O FC Porto ergueu hoje a Supertaça António Livramento em hóquei em patins, ao derrotar o HC Cambra, por 5-1, em jogo que decorreu no Pavilhão de Infante de Sagres, no Porto.
Os hexacampeões nacionais encontraram ao longo da primeira parte alguma resistência por parte do Cambra, vencedor da Taça de Portugal, e só conseguiram chegar à vantagem por Caio, aos 15 minutos.
O intervalo chegou com o FC Porto a vencer por 1-0, frente à aguerrida formação de Vale de Cambra, que iniciou a segunda parte praticamente a sofrer o segundo golo, marcado por Reinaldo Ventura, aos 26 minutos. 
A formação portista, a explorar a velocidade e a apostar no erro do adversário, dispôs em seguida de duas oportunidades para elevar a vantagem, por Ricardo Figueira e Reinaldo Ventura, aos 29 e 31 minutos, respectivamente.
Ricardo Figueira, com um "tiro" ainda distante da baliza do HC Cambra, elevou para 3-0, aos 32 minutos, sentenciando praticamente o encontro e o vencedor da Supertaça António Livramento.
O HC Cambra, numa jogada rápida de contra-ataque, reduziu para 3-1 por Bruno Fernandes, aos 35 minutos, mas a supremacia dos campeões nacionais materializou-se ainda sob a forma de mais dois golos.
Emanuel Garcia elevou para 4-1, aos 40 minutos, com um "estouro" de longe, que voltou a surpreender o guarda-redes Mário Almeida, e Caio, a passe de Filipe Santos, estabeleceu o 5-1 final, aos 46 minutos.
A partida, que a espaços foi interessante, equilibrada e de parada e resposta, decorreu sob uma toada morna e de jogo muito previsível, com os hexacampeões a controlar e a fazer valer a sua maior experiência.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.