Açoriano Oriental
Cooperativa de Pesca reconhecida como organização de produtores

A CPA - Cooperativa de Pesca Açoriana viu reconhecido o estatuto de Organização de Produtores (OP).

Cooperativa de Pesca reconhecida como organização de produtores

Autor: Paula Gouveia

O presidente do conselho de administração da CPA - Cooperativa de Pesca Açoriana, OP, CRL, Gualberto Rita, afirmou em comunicado que se trata de “uma enorme conquista para o setor das pescas”. Agora, a Cooperativa de Pesca Açoriana, para além da vertente de comercialização de pescado fresco, “enquanto Organização de Produtores oferece aos seus associados serviços específicos, como é o caso da celebração de contratos de compra e venda, a elaboração de planos de produção e comercialização, assegurar a armazenagem temporária de produtos da pesca e garantir o escoamento de produção dos seus membros para os mercados nacionais e internacionais, e promoção (ou colaboração em campanhas de promoção) de produtos dos seus associados”.

Uma organização de produtores “é uma componente fundamental de um dos pilares da Política Comum de Pescas: a Organização Comum dos Mercados (OCM) dos produtos da pesca e da aquicultura”, explica a CPA, acrescentando que “é através das OP que o setor procura organizar e estabilizar o mercado, orientar os produtores para uma pesca sustentável, ajudando a adequar a oferta à procura e apoiando na criação de valor acrescentado”.

De acordo com o mesmo comunicado, o registo como OP foi iniciado no ano passado, junto da DGRM, e a resposta foi comunicada por despacho de 25 de setembro de 2020 da Secretária de Estado das Pescas.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.