Açoriano Oriental
Brent sobe 4,42 dólares, até aos 99,61
O barril de crude Brent, de referência na Europa e em Portugal, subiu hoje mais de quatro dólares no mercado de futuros de Londres, depois de os Estados Unidos anunciarem um plano para ajudar os mercados financeiros
Brent sobe 4,42 dólares, até aos 99,61

Autor: Lusa/AO online
Assim, o barril de Brent para entrega em Novembro encerrou a 99,61 dólares no International Exchange Futures (ICE), 4,42 dólares mais do que no fecho anterior.
O petróleo do Mar do Norte, que chegou a pagar-se a 100,5 dólares, encareceu depois de se ter cotado esta semana vários dias em baixa, devido ao receio de a crise económica ter afectado a procura.
Assim, o Brent acabou a semana em alta depois do anúncio da administração Bush de um plano para salvar bancos afectados pelos activos "tóxicos" que desencadearam a crise financeira.
O secretário do Tesouro de Estados Unidos, Henry Paulson, disse que o Governo gastará "centenas de milhar de milhões de dólares" numa intervenção em grande escala nos mercados para responder à crise financeira.
Por seu lado, o presidente norte-americano, George W. Bush, afirmou hoje que a intervenção pública nos mercados "não só esta justificada como é essencial" para evitar um dano maior na economia.
O Brent registou em Julho um recorde ao cotar-se a 147 dólares o barril mas, recentemente, o seu preço sofreu uma forte queda com a redução da procura nos Estados Unidos e noutros grandes países consumidores devido ao alto custo dos combustíveis e à crise do crédito.
 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.