Braço robótico do Discovery transfere viga de 16 toneladas

 Braço robótico do Discovery transfere viga de 16 toneladas

 

Lusa / AO online   Internacional   30 de Out de 2007, 08:40

Os astronautas do Discovery transferiram com o seu braço robótico uma viga, com quase 16 toneladas, para painéis solares, a instalar na Estação Espacial Internacional, informou segunda-feira a NASA.
Para os tripulantes do Discovery, o sétimo dia de trabalho começou às 04:38 ao som da canção "One by One", de Wynton Marsalis, transmitida pelo Centro Espacial Johnson, em Houston, no Texas.

A astronauta Stephanie Wilson do Discovery dirigiu o braço robótico de fabrico canadiano, com quase 15 metros de comprimento, com o qual se moveu a viga Babor 6 da Estação Espacial Internacional, também com a ajuda de Clayton Anderson e de Daniel Tani, astronautas deste complexo.

A viga e os painéis solares podem permanecer no extremo do braço robótico durante cerca de 18 horas mas depois desse período a violência do ambiente térmico do espaço pode danificar os equipamentos.

Esta terça-feira, os astronautas Scott Parazynski e Doug Wheelock darão início ao terceiro dos cinco dias de trabalho no exterior da nave e deslocarão a viga e os painéis para a sua nova posição.

Para além do trabalho dos dois astronautas, os técnicos da missão vão inspeccionar a junta rotatória dos painéis solares da Estação Espacial Internacional que orbita a 27.700 quilómetros por hora e a cerca de 380 quilómetros da Terra.

A agência espacial norte-americana NASA encontrou fragmentos metálicos na engrenagem que abre os painéis solares e o problema restringe a capacidade de produção de energia da estação.

No domingo, durante o segundo dia de trabalho, o astronauta Tani inspeccionou a junta rotatória e indicou que para além de apresentar estragos está desgastada.

Os engenheiros da NASA acreditam que a razão pode estar no alumínio das coberturas térmicas que estão agregadas à junta rotatória.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.