Espaço

Agência Espacial Europeia tenta contactar sonda russa


 

Lusa/AO online   Internacional   23 de Nov de 2011, 16:55

Os especialistas da estação de radares da Agência Espacial Europeia (ESA) situada em Perth, na Austrália, farão cinco tentativas para contactar com a sonda russa Phobos-Grunt, que está perdida da órbita terrestre, anunciou René Pichel, representante da ESA na Rússia.
As cinco tentativas para obter os dados telemétricos da sonda Phobos-Grunt serão empreendidas durante a noite e a madrugada e cada ligação vai durar entre 6 a 7 minutos.

Na noite passada, a sonda reagiu a um comando automático enviado de Perth e os especialistas australianos conseguiram também receber um sinal, mas não obtiveram dados telemétricos.

Vitali Davidov, porta-voz da Agência Espacial Russa, anunciou que "a janela de tiro para Marte estará aberta até ao fim do mês", mas frisou que não existem praticamente possibilidades de que a missão da Phobos-Grunt se realize.

A sonda foi lançada do cosmódro de Baikonur na noite de 8 para 9 de Novembro, mas ficou a girar em torno da Terra em vez de dirigir-se Fobos, uma das luas marcianas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.