4,3 milhões para recuperar listas de espera

4,3 milhões para recuperar listas de espera

 

Rita Vasconcelos Rebelo   Regional   25 de Set de 2007, 18:45

A Região vai investir 4,3 milhões de euros na recuperação das listas de espera em cirurgia no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada.
A meta passa por não haver um paciente a aguardar uma operação há mais de dois anos em 2008.

O anúncio foi feito pelo presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César, no final de uma visita à maior unidade hospitalar do arquipélago, em conferência de imprensa.

Neste momento, são 5400 utentes a aguardar cirurgia no hospital de Ponta Delgada, cujas listas engrossam sobretudo nas especialidades da cirurgia vascular (644), ortopedia (400) e urologia (322), aponta o presidente do conselho de administração do Divino, Armando Anahory. O programa terá o seu arranque já em meados de Outubro.

E caso não fosse determinado um plano para combater as listas de espera, estas poderiam atingir os sete mil utentes, admite Carlos César aos jornalistas.

A recuperação não implicará, no entanto, a contratação de pessoal médico ou de enfermagem, passando isso sim, por uma maior produção da parte do corpo clínico actual, acrescenta o chefe do executivo regional.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.