Tecnologia

Um quarto do entretenimento na Internet é criado por amadores

Um quarto do entretenimento na Internet é criado por amadores

 

Lusa / AO online   Internacional   3 de Dez de 2007, 10:14

Um estudo da Nokia divulgado esta segunda-feira revela que em 2012, um quarto dos conteúdos de entretenimento difundidos na Internet vai ser criado e modificado por amadores.
"A tendência que se verifica é que as pessoas não vão ter apenas o desejo de criar e de partilhar os seus próprios conteúdos, mas também de editar e de fazê-los circular no seio dos grupos de partilha", explicou Mark Selby, responsável pela divisão multimédia finlandesa, em comunicado.

Para Mark Selby, "o divertimento circular passará para uma nova fase: alguém envia a um amigo um filme do seu portátil. Este amigo importa o ficheiro para mp3 - a banda sonora do filme por exemplo - e depois envia-o a um outro amigo. Por seu turno, este amigo edita o filme, acrescenta fotos e depois envia-o a um amigo, etc…"

Estas conclusões foram retiradas de um estudo realizado entre Julho e Setembro do corrente ano, em 17 países, a 9.000 pessoas com idades entre os 16 e 35 anos, especialistas e criadores de conteúdos profissionais.

Segundo a Nokia, os entrevistados são grandes consumidores de entretenimento "mobile": 39% vêem televisão regularmente pela Internet, 23% a partir do telemóvel e 37% através do portátil.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.