Tempestade Nadine passa pelos Açores sem causar estragos relevantes

Tempestade Nadine passa pelos Açores sem causar estragos relevantes

 

Lusa/AOonline   Regional   4 de Out de 2012, 10:11

A tempestade tropical Nadine está a passar pelas ilhas do Grupo Central dos Açores, que está em alerta laranja, sem causar danos "relevantes", revelou o presidente do Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores.

"Até ao momento, praticamente não provocou estragos", frisou, acrescentando que se registaram apenas algumas quedas de árvores e cartazes derrubados, situações "rapidamente resolvidas" e que não tiveram grandes danos económicos, nem humanos, afirmou Pedro Carvalho.

O responsável salientou, no entanto, que o estado do tempo "tem vindo a piorar" e que nesse sentido "todo o dispositivo vai continuar em alerta até depois do almoço".

O presidente do Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores frisou que a população deve guardar objetos soltos, vigiar os sistemas de drenagem e consolidar portas e janelas, recomendando ainda que as pessoas evitem sair de casa e se fizerem que tenham cuidados redobrados nas estradas.

As ilhas do grupo central do arquipélago (Terceira, Graciosa, São Jorge, Pico e Faial) continuam sob aviso laranja devido à chuva e à velocidade média e à rajada máxima do vento, até às 20:00 de hoje, segundo revela o Instituto de Meteorologia (IM), na sua página de Internet.

O grupo central está também em aviso amarelo devido à altura significativas das ondas, até as 24:00, segundo a mesma fonte, que divulgou também um aviso amarelo, até às 21:00 no grupo oriental (São Miguel e Santa Maria), devido à velocidade média e à rajada máxima do vento.

O IM refere que se preveem condições de tempestade tropical para as ilhas do Grupo Central entre as 02:00 as 12:00 (03:00 e 13:00 nos Açores), com ventos sueste de 80 km/h rodando para sudoeste, com rajadas de 120 km/h, precipitação forte e ondas entre 6 e 7 metros, acrescentando que a tendência é para um rápido enfraquecimento da tempestade à medida que esta se desloque depois para norte.

Por precaução, a secretaria regional da Educação decidiu encerrar hoje todas as escolas do grupo central.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.