PS/Açores diz que "prova de vida" do PSD faz-se com críticas aos socialistas


 

Lusa/AO Online   Regional   4 de Dez de 2018, 15:07

O PS/Açores acusou, esta terça-feira, o maior partido da oposição na região, o PSD, de fazer "prova de vida" com criticas ao socialistas e ao Governo Regional, ao invés de apresentar um projeto político para o arquipélago.

"O PSD/Açores está refém de si próprio, fechado sobre si mesmo, e já não consegue, sequer, disfarçar a ausência de projeto político para os Açores, limitando-se, como se pode verificar, a insistir na velha e estafada tática de tudo criticar", acusou o deputado do PS/Açores Manuel Ramos.

A nota de imprensa do socialista surgiu depois de o PSD/Açores se ter congratulado com o anúncio de que haverá um aumento da remuneração complementar da função pública regional, embora acusando o PS de estar em "campanha eleitoral" desde que o novo líder social-democrata, Alexandre Gaudêncio, foi eleito.

"Ao ver-se perante um Plano e Orçamento para 2019, aprovado quer pelo PS, mas também pelo CDS/PP e pelo PCP, ao PSD/Açores, pelos vistos, não sobrou mais do que criticar o PS pelo trabalho realizado", diz Manuel Ramos, para quem a posição dos sociais-democratas é "constrangedora" para um "partido com história" na política regional.

O presidente do Governo dos Açores anunciou na semana passada, em discussão sobre o Plano e Orçamento da região, que, em 2019, a remuneração complementar dos funcionários públicos na região vai aumentar em 12%, sendo reforçado, por essa via, “o rendimento das famílias”.

"O Governo dos Açores vai aumentar a remuneração complementar dos funcionários públicos açorianos em 12%, reforçando, também por essa via, o rendimento das famílias. Também por proposta do PCP, o Governo dos Açores compromete-se, perante este parlamento e perante os açorianos, a reforçar em 2019 o complemento açoriano do abono de família em 6%, permitindo, dessa forma, o apoio reforçado às famílias açorianas, sobretudo àquelas que estão numa situação de maior fragilidade", anunciou o chefe do executivo socialista.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.