Obama quer criar 2,5 milhões de empregos em 2 anos

Obama quer criar 2,5 milhões de empregos em 2 anos

 

Lusa / AO Online   Internacional   22 de Nov de 2008, 10:12

O Presidente-eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou hoje ter pedido aos seus conselheiros que preparem um plano de relançamento económico que permita a criação de 2,5 milhões de empregos em dois anos.
    "Vamos concluir os pormenores durante as próximas semanas, mas vai tratar-se de um plano de dois anos, à escala nacional, para relançar a criação de empregos nos Estados Unidos e criar as bases de uma economia sólida e em pleno crescimento", afirmou Barack Obama, na sua mensagem radiofónica semanal.

    O plano deverá arrancar com a criação de 2,5 milhões de empregos, até Janeiro de 2011, e lançar a recuperação económica do país, confrontado com a crise financeira mais grave desde 1970, refere o jornal.

    Este anúncio testemunha a vontade de Barack Obama - que assume funções a 20 de Janeiro -, e da sua equipa, de "atacar" desde logo a crise.

    Desde o início do ano, a economia norte-americana perdeu 1,2 milhões de empregos, e o Presidente-eleito democrata advertiu que outros milhões poderão ser suprimidos em 2009 se não for tomada nenhuma medida.

    Barack Obama explicou que o seu plano constitui um primeiro passo das reformas económicas que a futura administração pretende levar a cabo.

    "Não são apenas medidas para sairmos da crise imediata", garantiu, frisando tratar-se de "investimentos a longo-prazo para o futuro da economia" norte-americana que, segundo Barack, foram ignorados durante muito tempo.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.