Açoriano Oriental
Taça de Portugal
Naval ganha pela margem mínima no Pico
A primodivisionária Naval 1º de Maio qualificou-se hoje para a quarta eliminatória da Taça de Portugal de futebol, ao derrotar, nos Açores, o Boavista de São Mateus do Pico, da III Divisão, por magro 1-0
Naval ganha pela margem mínima no Pico

Autor: Lusa/AO online
O jogo, disputado no campo de futebol do Bom Jesus, em São Mateus do Pico, foi bastante equilibrado e a Naval só chegou à vantagem aos 70 minutos, através do brasileiro Marcelinho, entrado na segunda parte.
A equipa da Figueira da Foz, sétima classificada da Liga, surgiu no Pico desfalcada de seis dos seus habituais titulares, acabando por não demonstrar grande superioridade em relação ao adversário da divisão inferior e foi mesmo a equipa da casa a criar as principais oportunidades de golo.
Na primeira parte, à passagem dos 30 minutos, Pedro Rodrigues, na direita, rematou sem oposição à entrada da grande área, proporcionando uma excelente defesa para canto do guardião da Naval.
O mesmo jogador, perto do intervalo, rematou de cabeça em frente a Peiser, o guarda-redes da Naval, que, já batido, viu a bola embater na barra da sua baliza e sair pela linha de fundo.
No segundo tempo, o ritmo do jogo decaiu bastante, sobretudo por parte da equipa de São Mateus, que atacou menos e passou a defender mais dentro do seu meio-campo.
Mesmo assim, Parreira, do Boavista, obrigou Peiser a uma defesa para canto, quando tentou marcar, na sequência da marcação de um canto, com um pontapé de bicicleta, mas foi a Naval a assegurar a vitória, com o remate certeiro de Marcelinho.
 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.