Dois homens detidos por suspeita da prática do crime de tráfico de estupefacientes

Dois homens detidos por suspeita da prática do crime de tráfico de estupefacientes

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   1 de Abr de 2019, 17:05

A Divisão Policial de Ponta Delgada, através de polícias da Esquadra de Investigação Criminal, desencadeou uma operação policial, na freguesia de São José, em Ponta Delgada, da qual veio a resultar a detenção de dois homens, com 49 e 65 anos de idade, suspeitos da prática do crime de tráfico de estupefaciente.

A referida detenção surge na sequência de mais uma operação de rotina desencadeada por esta Polícia visando o combate ao tráfico de droga, “tendo sido detetada uma encomenda postal na estação dos CTT de Ponta Delgada na qual se encontravam cerca de 7000 doses de haxixe, com um valor de mercado aproximado de 10500 euros”, refere comunicado da PSP.


Na sequência da apreensão efetuada e no seguimento das várias diligências de investigação efetuadas pela Brigada Anticrime da Esquadra de Investigação Criminal, sob a direção do DIAP de Ponta Delgada, foram efetuadas buscas domiciliárias que permitiu a detenção dos dois suspeitos relacionados com estupefaciente apreendido.


Como resultado das buscas efetuadas, para além da apreensão de uma viatura de alta cilindrada foram ainda detetados e também aprendidos, diversos artigos que se encontravam na posse dos suspeitos, por subsistirem fortes suspeitas de se tratar de objetos relacionados com a atividade criminosa praticada pelos mesmos.


A operação policial desenvolvida pela Divisão da PSP de Ponta Delgada contou ainda com a colaboração da Unidade Especial de Polícia destacada nos Açores, mais concretamente do Grupo Operacional Cinotécnico.


Após terem sido presentes ao Tribunal Judicial de Ponta Delgada, os arguidos ficaram em prisão preventiva.


Acrescenta o comunicado que com a detenção dos dois suspeitos e com a correspondente apreensão significativa de produto estupefaciente, a Divisão da PSP de Ponta Delgada acredita ter desmantelado por completo esta rede criminosa, responsável pela introdução de elevadas quantidades de estupefaciente na ilha de São Miguel, sendo que, a breve prazo, toda a investigação estará concluída.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.