Justiça

Cidadão dinamarquês detido dia 4 no Irão foi libertado


 

Lusa / AO online   Internacional   10 de Nov de 2009, 17:36

O cidadão dinamarquês detido a 4 de Novembro à margem de manifestações da oposição na capital iraniana foi libertado esta terça-feira, anunciou o procurador-geral de Teerão, citado pela agência noticiosa oficial Irna.
"O cidadão dinamarquês detido à margem das manifestações ilegais (de 04 de Novembro) foi libertado", declarou o procurador Abbas Jafari Dolatabadi.

"Após o final do inquérito, o juiz de instrução ordenou a libertação do acusado e, depois da aprovação do procurador, informou-se a prisão de Evine", adiantou.

Segunda-feira, Dolatabadi tinha declarado que o cidadão dinamarquês "se apresentou como jornalista, quando existem elementos no seu dossier que não mostram isso".

De acordo com o governo dinamarquês, Niels Krogsgaard, de 31 anos, é estudante de jornalismo. Sábado, Copenhaga confirmou que estava detido no Irão e que as autoridades procuravam entrar em contacto com ele.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.