Açoriano Oriental
Simulador de pensões na função pública estará pronto no início do ano

O ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, afirmou que o novo simulador de pensões para os funcionários públicos que recebem pela Caixa Geral de Aposentações (CGA) estará disponível no início de 2019.

Simulador de pensões na função pública estará pronto no início do ano

Autor: Lusa/AO Online

“Estamos a finalizar” o simulador de pensões da CGA, disse Vieira da Silva, questionado à margem da cerimónia de lançamento da nova aplicação móvel da Segurança Social Direta, no Instituto de Informática, em Oeiras.

Destacando que o simulador de pensões da Segurança Social, lançado em maio, já conta com 2,5 milhões de utilizações, o ministro explicou que o sistema da CGA, que estava previsto para o final deste ano, é mais complexo e exigente, embora em causa esteja um número mais pequeno de pensionistas e empregadores.

“No início do ano devemos cumprir com pouca margem de erro aquilo que assumimos”, defendeu Vieira da Silva.

Durante a sua intervenção na cerimónia, o governante sublinhou que dois dos objetivos principais da modernização da Segurança Social são a confiança e a transparência do sistema, destacando alguns resultados das novas ferramentas ‘online’.

Os dados sobre as declarações de remuneração eletrónicas são “extremamente impressionantes”, considerou o ministro, referindo que com o novo instrumento “quase quatro milhões de erros deixaram de ser introduzidos no sistema".

Segundo adiantou, a declaração de remunerações é “a ferramenta que liga o primeiro dia da contribuição ao último mês de uma pensão a 50, 60 ou mais anos de distância”.

“Esta é uma mudança que tem uma particular importância para o sistema de Segurança Social porque ajuda (…) a atingir o objetivo fundamental de garantir que o objetivo de receitas chega com a frequência e com a intensidade necessária para a estabilidade”, acrescentou o ministro.

A Segurança Social tem uma nova aplicação móvel que permite aos cidadãos e empresas acederem a vários serviços, como consultar o valor e a data de pagamento de várias prestações sociais, como os subsídios de desemprego, de doença ou de maternidade ou o abono de família.

O novo canal de comunicação permite ainda aceder à caixa de mensagens da Segurança Social Direta e sincronizar o calendário de eventos da Segurança Social com a agenda do dispositivo móvel.

Para já, a aplicação apenas está disponível para o sistema Android, passando “nos próximos dias” a estar também para o iOS, segundo o Ministério do Trabalho.

Para utilizar a nova aplicação, é necessário o registo na Segurança Social Direta, que pode ser feito através da funcionalidade “senha na hora”.

A nova aplicação está enquadrada na estratégia “Segurança Social Consigo” e integra o programa Simplex 2018+.



Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.