Setor da comunicação social sofre corte de 45,26% em 2013


 

Lusa/AO online   Economia   15 de Out de 2012, 17:53

As indemnizações compensatórias para o setor da comunicação social, que inclui RTP e Lusa, vão sofrer um corte de 45,26%, para 65,2 milhões de euros, segundo a proposta de Orçamento do Estado para 2013.

De acordo com a proposta do Relatório do Orçamento do Estado entregue na Assembleia da República, no próximo ano os subsídios e indemnizações compensatórias para a comunicação social recebem um corte na ordem dos 42,2 por cento, no caso da RTP, e de 30,9 por cento no orçamento da Agência Lusa.

As duas empresas, que receberam um total de 138,6 milhões de euros em 2012, perdem no próximo ano um total de 73,4 milhões de euros.

A indemnização compensatória da RTP recebe um corte de 38 milhões de euros, passando de 90 milhões de euros em 2012 para 52 milhões no próximo ano.

Já a Lusa, Agência de Notícias tem um abatimento previsto na ordem dos 6 milhões de euros, indo receber 13,2 milhões de euros em 2013, montante que compara com 19,1 milhões de euros recebidos em 2012.

Ambos os valores incluem o valor do IVA a 23 por cento.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.