Mundial2010

Portugal procura obter cinco pontos de vantagem sobre Dinamarca

Portugal procura obter cinco pontos de vantagem sobre Dinamarca

 

LUSA/AO   Futebol   8 de Set de 2008, 12:01

A selecção portuguesa de futebol pode aumentar para cinco pontos a vantagem sobre a Dinamarca, logo na segunda jornada da fase de apuramento para o Mundial, caso derrote quarta-feira a equipa nórdica
A selecção portuguesa de futebol pode aumentar para cinco pontos a vantagem sobre a Dinamarca, logo na segunda jornada da fase de apuramento para o Mundial, caso derrote quarta-feira a equipa nórdica.
Ao segundo jogo do apuramento, Portugal pode cavar já um fosso para um dos seus principais adversários no Grupo 1, depois de ter entrado com uma goleada em Malta (4-0), enquanto a Dinamarca empatou a zero na Hungria.
O seleccionador português, Carlos Queiroz, já classificou a Dinamarca e a Suécia como os dois principais adversários da equipa lusa na caminhada rumo à África do Sul.
Além de poder aumentar a vantagem, a vitória neste encontro também é importante para o objectivo de conquistar 12 pontos até ao final do ano, assumido pelo técnico luso.
Para tal, Portugal terá de ganhar à Dinamarca, no Estádio José Alvalade, em Lisboa, e ganhar fora à Suécia e em casa à Albânia, em Braga, jogos que se disputam em Outubro.
O historial entre as duas equipas é favorável a Portugal, que venceu sete dos nove encontros realizados, cedendo um empate e uma derrota, que aconteceu no último jogo entre as duas equipas, em 2006.
Portugal chega a este encontro motivado pela vitória sobre Malta, na estreia oficial de Carlos Queiroz, em que a equipa das "quinas" fez uma boa segunda parte, depois de um primeiro período algo sofrido.
De acordo com o seleccionador nacional, Portugal demorou muito tempo a adaptar-se ao estado do relvado do Estádio Nacional, em Ta'Qali, o que justifica os inúmeros passes falhados na primeira meia-hora.
O primeiro golo português surgiu num golo na própria baliza de Brian Said, aos 25 minutos, na única jogada de envolvimento colectivo que Portugal conseguiu fazer no primeiro tempo.
 A equipa das "quinas" melhorou na segunda parte frente a uma desgastada Malta, acabando por conseguir uma vitória tranquila, graças aos golos de Hugo Almeida, aos 61 minutos, Simão, aos 71, e Nani, aos 79.
Depois de ter mantido em Malta o mesmo "onze" que goleou as Ilhas Faroé (5-0), num encontro particular, Queiroz poderá apostar num encontro, teoricamente, mais complicado nos experientes Paulo Ferreira e Maniche, que ficaram no banco em Ta'Qali. Já a Dinamarca surge pressionada neste encontro, depois de ter empatado a zero com a Hungria, em Budapeste.
O conjunto nórdico procura regressar às grandes competições internacionais, depois de ter falhado a presença no Mundial Alemanha2006 e no Euro2008, na Áustria e na Suíça.
O encontro entre Portugal e Dinamarca disputa-se quarta-feira (19h45), no Estádio José Alvalade, em Lisboa, e terá arbitragem do britânico Howard Webb.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.