Gala de Kickboxing no Coliseu

Nuno Neves revalida título de Low Kick

Nuno Neves revalida título de Low Kick

 

Susete Rodrigues   Outras modalidades   24 de Set de 2007, 10:17

Nuno Neves veio a São Miguel para revalidar o título Mundial de Low Kick, em -63kg, na gala de Kickboxing que decorreu na noite de sábado no Coliseu Micaelense e, conseguiu fazê-lo em cinco assaltos.

Mais conhecido por Nuno “Lucky Luke” Neves, este atleta de kickboxing teve pela frente um grande desafiador, nomeadamente, o campeão de França, Bensihmed Mustapha, que em nenhum momento cedeu, lutando até ao fim. Porém, a experiência e a garra de Nuno Neves conseguiram vencer e ele voltou a colocar o cinturão de campeão do mundo de Low Kick.

Noite recheada de emoções
A disputa do título Mundial em Low kick, foi o último combate de uma noite em que o público que encheu a maior casa de espectáculo dos Açores, vibrou do princípio ao fim dos combates, e onde os atletas açorianos foram os maiores protagonistas, num evento recheado de emoções.
Intitulado “Coliseu Fight Night” e organizado em conjunto pelo Clube Desportivo Escolar da Escola dos Arrifes e Associação de Kickboxing/Full-Contact dos Açores, a gala começou com a primeira vitória para o atleta Erasmo Moniz, do Kickboxing Clube de São Miguel, que por unanimidade dos juízes, venceu Carlos Mendes, do Vitória de Guimarães, em Full Contact, categoria de -63kg e em três assaltos.
Logo a seguir veio a estreia de Sebastião Correia, do clube dos Arrifes, num combate de Full em -91kg. O seu adversário foi o terceirense Fernando Borges, do CDE Biscoitos. Num combate renhido e de grande expectativa, após os três assaltos e muitos frontais, directos, pontapé rotativo, entre outros, a vitória sorriu para o micaelense Sebastião Correia, por unanimidade.

Último combate de Luís Garcia
O quarto combate foi disputado na variante de Low kick, em +94kg e em quatro assaltos.
No ringue, estiveram o picoense, Luís Garcia, do clube “Os Toledos” e, Carlos Moleiro, um atleta da escola de Nuno Neves.
O combate foi emocionante, já que Luís Garcia é um atleta que puxa muito pelo público e este fez-lhe a vontade. No final e por maioria (2-1), a vitória do primeiro combate em Low kick da noite, foi para a ilha do Pico.
A felicidade foi visível em Luís Garcia, que anunciou que terminou “em grande” nos Açores, pois “este foi o meu último combate”. Garcia despediu-se da melhor forma e em grande, numa noite que jamais irá esquecer o “calor” que o público lhe ofereceu.
Antes do combate feminino, teve lugar uma demonstração dos escalões de formação do clube dos Arrifes, a cargo do Mestre Nilton Silva. Demonstração que mereceu também muitas palmas de todos os que se encontravam no Coliseu Micaelense.
Seguiu-se então o combate entre Susana Rosa, do Guimarães e Rafaela Coelho, atleta de Bruno Susano.
As duas atletas lutaram na disciplina de Low Kick em -60kg, três assaltos, e de igual para igual, e no final os juízes decidiram por unanimidade que ambas venceram.
César Pires, do Kickboxing Clube de Angra do Heroísmo e Tiago Vital, do Curigym, são ambos atletas da selecção nacional e combateram em Full, -71 kg.
Um combate nada fácil para os dois atletas, que nos três assaltos, nunca desarmaram, mas no final César Pires foi o mais feliz.
Saliente-se que em Outubro próximo, haverá desforra entre estes dois atletas, já que ambos vão voltar a lutar entre si, na ilha Terceira.
O sexto combate da noite do “Coliseu Fight Night” , também era aguardado com muita expectativa, já que Pedro Correia, do clube dos Arrifes, faria a sua estreia em Full Contact e iria combater com um atleta de grande nível, Ricardo Rodrigues, do Guimarães.
O público apoiou o jovem dos Arrifes desde o primeiro minuto e no final dos três assaltos, por unanimidade, a vitória foi para Pedro Correia, que hoje parte rumo ao Mundial de Belgrado de Light Contact.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.