Açoriano Oriental
Colômbia
Narcotraficantes "lavaram" 877,87 ME, menos 500ME do que em 2000
 O Governo colombiano revelou que os narcotraficantes "lavaram" este ano 1.183,86 milhões de dólares (877,85 milhões de euros), menos 672,77 milhões (498,87 milhões de euros) do que em 2000.

Autor: Lusa/AO Online

Os dados sobre a lavagem de dinheiro foram revelados pelo vice-ministro da Politica Criminal e Justiça, Jorge Fernando Perdomo, num seminário internacional dedicado à lavagem de dinheiro.

O seminário é organizado pelo Governo colombiano e decorre até quinta-feira reunindo autoridades judiciais e peritos de vários países como a Costa Rica, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá ou República Dominicana, além do país anfitrião.

Jorge Fernando Perdomo explicou também que a Colômbia está a proceder a melhorias no seu organismo regulador para combater o branqueamento de capitais.

Tais melhorias incluem a regulamentação da atividade comercial de compra e venda de divisas e cheques de viagem, a criação de um grupo especial de polícia judicial e investigação, o reforço de ações de apreensão e da cooperação internacional, com mecanismos como a extradição.

O Governo trabalha com esse objetivo com o apoio do gabinete das Nações Unidas contra a droga e o crime, acrescentou.

O seminário é parte de um programa de cooperação do projeto "Mesoamérica", criado em julho de 2009 e que se centra em áreas estratégicas para aquela região do mundo.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.