Automóvel

Multinacional japonesa inaugura hoje nova fábrica de componentes em Famalicão


 

Lusa/AO online   Economia   8 de Nov de 2008, 10:27

A segunda fábrica de componentes para a indústria automóvel da multinacional japonesa Tesco em Portugal, que é hoje inaugurada em Famalicão, representa um investimento de 10 milhões de euros e vai criar 50 postos de trabalho.
 "Com esta nova fábrica, Famalicão dá mais um passo na sua diversificação industrial, aumenta a sua capacidade produtiva e apresenta uma prova de confiança na qualidade das infraestruturas de Famalicão", disse hoje à Lusa o presidente da autarquia, Armindo Costa.

    O autarca social-democrata citou, a propósito, a presença no concelho de outras grandes fábricas de componentes automóveis, como a Continental Mabor, a Têxtil Manuel Gonçalves, a Coindu e a Cabelauto.

    Quanto ao facto do momento da abertura desta nova unidade se verificar no início de um processo de recessão económica que tem tido consequências negativas neste sector em Portugal, o autarca desvalorizou a questão.

    "A instalação desta nova fábrica em Portugal constitui uma prova de confiança no mercado. O mundo não acaba amanhã", afirmou.

    A nova unidade ocupa aproximadamente uma área de sete mil metros quadrados e permitirá à Tesco aumentar a sua capacidade global e consolidar os processos actuais de fundição injectada em alumínio para a indústria automóvel, indicou fonte da empresa.

    Nesta data será igualmente comemorado o 15º aniversário da actividade da Tesco em Portugal.

    A multinacional japonesa de componentes para a indústria automóvel, subsidiária da Honda e que integra o grupo Metts, possui também, desde 1993, uma fábrica na Trofa, onde emprega 250 pessoas.

    De forma a introduzir aperfeiçoamentos ambientais, a Tesco dispõe nesta sua nova unidade de Famalicão tecnologia que permitirá reutilizar a água da chuva.

    Dispõe ainda de filtros especiais de limpeza do ar dentro das instalações fabris e de luz natural, que será usada sempre que possível de forma a diminuir o consumo energético.

    Na inauguração da nova fábrica estarão presentes, para além do autarca de de Famalicão, o embaixador do Japão em Portugal, Akira Miwa, o director-geral da Tesco, Keiki Wakabayashi, e o vice-presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), Carlos Florindo.

   


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.